HisóriaPatrimónioValênciasProvedoresCorpos SociaisContactosHome
Utilidades e Informações

.

GALERIA DE IMAGENS
  A Instituição
  Museu Memórias
  Fundadores do Albergue

.

PUBLICAÇÕES
  Livros
  Jornal

.

CANDIDATURAS
  Arrendamento - Habitação
  Arrendamento - Comércio e Serviços
  Alojamento - Residência Universitária

.

DIVERSOS
  Biografias
  Associado / Irmão da SCMP
  Links úteis

DIVERSOS > BIOGRAFIAS
 
Comendador António Ignácio da Silva Nobre
Manuel Ferreira da Silva, Médico
Maria Manuela Silva Ribeiro, Bióloga
Padre Luís Cardoso
Padre António dos Reis
Comendador José Gonçalves Pereira
Carlos Lopes da Costa Theriaga Júnior
   
Padre Luís Cardoso
 

Irmão do Padre António dos Reis, o Padre Luís Cardoso nasceu em Pernes por volta de 1694.
Religioso da Congregação do Oratório São Filipe Nery, foi membro da Academia Real de História (apresentação feita em 1736 pelo Conde de Ericeira), cronista da “Gazeta de Lisboa”, e historiógrafo de vulto.
Da sua obra publicada anonimamente, ou sob o pseudónimo “Paulo de Niza” destacam-se os vários volumes do “Portugal Sacro-Profano” – 1767. Contudo a sua maior glória, que o terramoto de 1755 viria a interromper, é o famoso “Dicionário Geográfico” – 1747, do qual apenas foram publicados os dois primeiros volumes, ficando inéditos (na Torre do Tombo), os restantes 47 tombos de memórias de todas as paróquias de Portugal.
O pernense Padre Luís Cardoso para quem a historiografia nacional tem uma dívida de gratidão, muitas vezes olvidada, faleceu em 3 de Julho de 1769, deixando inéditas várias obras literárias.

 

(in Pernes, terra antiga do bairro ribatejano Vol II de Mário Rui Silvestre)